Pages

27/04/2017

Apetites #18 - Há uma Tasca no Porto onde pode cozinhar o seu próprio Sushi... e ainda jogar Dominó...

Próximo da Lota de Matosinhos, existe uma Tasca Japonesa, onde às Quartas e aos Domingos à noite, os jantares de Sushi são diferentes, pois quem cozinha, é o próprio cliente.

A convite da Zomato e do Dominó - Tasca Japonesa, fui experimentar este conceito, que nesta casa, é relativamente recente, e posso assegurar que fazer Sushi... não é nada fácil!

Este conceito de "Do it yourself", permite levar a experiência de comer sushi a outro nível. Primeiro, estranha-se, mas acabamos rendidos a um serão bem passado, com alguma atrapalhação, muito sushi imperfeito (lá pelo meio sempre sai uma obra prima), e uma mesa no final, que se assemelha àquilo que imagino serem as mesas dum refeitório infantil (conseguem imaginar?).

A particularidade de darmos asas à criatividade e misturarmos cores e sabores, texturas e intensidades, aliado ao facto (que é para mim, um dos pontos mais positivos deste conceito) de as folhas de alga serem consumidas no seu estado perfeito (de imediato, o que lhes confere uma textura crocante, e não de "borracha", como é habitual), suplantam o eventual desconforto ou desagrado que alguns possam sentir, em trabalhar o arroz com as mãos. Sim, eu sou uma dessas pessoas, e para quem come até marisco com talheres, até não me portei muito mal!

Neste evento foi-nos servida uma entrada (já pronta), um Temaki e um set de Sushi para preparar.

A Entrada

Um crocante de salmão com ovas. Visualmente muito bonito, mas a desiludir no sabor. A massa (frita), devia ter sido melhor absorvida da sua gordura, pois veio para a mesa com um aspeto reluzente e oleoso. Ao salmão faltavam notas cítricas que o fizessem mais saboroso, e ao mesmo tempo, menos enjoativo.


Temaki Do It Yourself

De seguida inicia-se propriamente dita a versão "Do it Yourself". Foi-nos feita uma breve demonstração de como devíamos preparar um Temaki e depois, convidados a fazer os nossos. Os primeiros cones não saíram mal, mais fizemos alguma "batota" mais para o final, e optamos pela opção "wrap"... (se fosse um curso já tínhamos chumbado). 


Sushi Do It Yourself

De seguida, o sushi propriamente dito. Muito variado, foram apresentados vários ingredientes: peixes, marisco, (peixe branco, atum, salmão e gambas), fruta (papaia, pitaya, morangos e manga), ceviches, legumes, algumas peças de sushi já prontas a consumir (talvez para dar alento a começar...), ovas e sementes variadas (Ererê, Furikake, Sésamo com Wasabi, entre outras). 


No que concerne à demonstração junto do cliente, gostaria que tivesse sido o próprio sushiman a fazê-lo, pois considero que teria dado um pouco mais de identidade e glamour ao evento. É uma mera questão de identidade, Apenas isso. Imaginam um japonês a ensinar a preparar uma feijoada à transmontana, ou uma açorda alentejana? Certo, é possível. Mas não é a mesma coisa!

No global, acho uma ideia engraçada, para partilhar entre amigos, mas não será um conceito sustentado a médio prazo se não for inovado.

Resta-me agradecer à Zomato, à equipa do Dominó Tasca Japonesa, que nos receberam com tanta simpatia, e aos meus estimados companheiros de mesa, Eduardo, Joana e João, que ajudaram a tornar este evento ainda mais divertido!




Dominó - Tasca Japonesa Menu, Reviews, Photos, Location and Info - Zomato
SHARE:

Sem comentários

Enviar um comentário

© A Ravioli. All rights reserved.

Design by WE BLOG YOU