Pages

19/07/2016

Apetites # 10 - O bom peixe anda de Chalandra!

A convite da Zomato, fui almoçar por estes dias ao "novo" A Chalandra, na "Catedral do Peixe", em Matosinhos. Re-aberto desde Fevereiro deste ano (após estar 3 anos encerrado), com uma nova gerência, o restaurante manteve o mesmo ambiente e a mesma simpatia de outros tempos.



Na bancada de peixe, podemos contemplar a frescura do mar, fazendo antever belos manjares oceânicos...

O meu Menu de degustação, compunha uma sopa de peixe seguido de um peixe grelhado à escolha. Enquanto aguardava pela tão esperada sopa de peixe (que é cada vez mais vulgarizada nos nossos menus e, sendo mais os que erram, do que os que acertam, estava realmente curiosa!), fui enganando o estômago com uma ótima broa frita em azeite, e pão de mistura estaladiço...

A sopa chegou tão rápido que o cesto do pão nem deixou a sua base interior à mostra (será que estou a ficar acomodada à espera?). Bem! Muito bem! Serviço eficiente! Servida em terrina diretamente no prato (à moda antiga, como eu gosto), vinha um caldo de legumes (?) com lascas generosas de robalo... Ok... pensei eu, isto não é sopa de peixe! Quando muito, uma sopa de robalo! Se me permitem a sugestão, mudaria mesmo o nome para sopa de robalo! Faria mais sentido, até porque a base não sabia a peixe, e não se encontraram outros pares, como o cação, ou a raia, tão característicos da receita! As lascas eram de uma frescura irrepreensível, e se não fosse o facto de ter encontrado algumas espinhas, teria sido uma sopa de robalo, perfeita! Ainda assim, fui ao segundo prato!




Depois, seguiu-se o robalo grelhado, que escolhi por sugestão do chefe, por ainda "estar a respirar".



A acompanhar, pedi um arroz malandro de grelos, que estava divinal! Caldoso, saboroso, grelos tenros e um leve travo a chouriço no final, a casar na perfeição com o peixe.



Para o meu gosto, o peixe deveria ter estado 2 minutos menos na brasa, mas estava fresquíssimo, sem dúvida!

O meu olho clínico não costuma ser muito sossegado, e andou a sobrevoar as outras mesas, e houve um peixe galo que me ficou na memória... um dia destes volto cá, para o provar!

De sobremesa, comi o tradicional leite creme (habitué das nossas cartas) mas com um toque menos tradicional... a canela! Penso que seria adequado prevenirem os clientes de que se trata de leite creme com canela, e não creme queimado. Comi, não desgostei, mas, mesmo gostando bastante de canela, não consegui retirar o mesmo prazer do que se tivesse uma boa capa vidrada de açúcar queimado a olhar para mim!



Os meus agradecimentos à Zomato, e ao Restaurante A Chalandra por me terem proporcionado um belo momento, que só ficou ligeiramente atenuado pelo "generoso presente" que uma das guardiãs da Lota de Matosinhos me deixou no carro!

E a ti, gaivota malvada, nenhum agradecimento! E já agora, estás a dever-me 10 Euros da lavagem do carro!

A Chalandra Menu, Reviews, Photos, Location and Info - Zomato




SHARE:

2 comentários

  1. O Restaurante A Chalandra vem por este meio agradecer a visita do Blog da Ravioli e a simpatia dos comentários!

    Esperamos que voltem em breve ;)

    A Gerência

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Voltarei concerteza, e para provar o tal peixe galo que tinha um ótimo aspeto!

      Eliminar

© A Ravioli. All rights reserved.

Design by WE BLOG YOU