Pages

04/12/2015

Ser criança é isto… # 7 – Generosidade oftalmológica.

Caminhávamos apressadamente, pois já estávamos atrasadas.
Mesmo à porta da entrada estava um pedinte, que murmurava num dialecto indecifrável algo que se devia assemelhar a “sinhôradê-me uma moedinha”.

Estou tramada – pensei eu. Mais uma vez vou ter de lhe explicar que não devemos dar dinheiro a todos os pedintes, pois pode haver sempre alguém que queira roubar a nossa carteira.

Foi algo que cogitei muito, e honestamente, apesar dos seus tenros 7 anos, é importante saber que existem pessoas confiáveis, e outras… nem por isso… e que fazer o bem, deve ser um valor primordial, mas… acautelado… 

Ainda assim, cada vez que avisto alguém a quem não quero abrir a minha carteira… preparo-me psicologicamente para ser massacrada com “porque é que não lhe deste dinheiro? Devemos ajudar os outros…!!!!”

Acelerei ainda mais o passo e entramos.
O quê…? Não disse nada…? Estou admirada! – pensei.
Ainda não tinha acabado o meu pensamento e heis que me puxa o braço e retorque:

- Viste o olho dele? - virando-se para mim com um ar muito sério.

- Não. O que tinha?

raviolicomqueijo.blosgspot.pt- Estava assim todo… meio para dentro… assim… destrambelhado… - reforçando a ideia rodando o indicador em frente ao seu olho…

- Ah… não vi. Coitado!


- Estás a ver? Porque é que não lhe dás dinheiro? Assim ele já podia ir ao médico!!!


SHARE:

Sem comentários

Enviar um comentário

© A Ravioli. All rights reserved.

Design by WE BLOG YOU